Siga o Noticiasdetv.com


 

 

Série

Série original “As Five” possui segunda temporada confirmada na CCXP

Matéria publicada em

Gabriela Medvedovski (Foto: Reprodução)

Depois de vencer o “Emmy Internacional Kids 2018” na categoria Melhor Série, a novelinha teen “Malhação – Viva a Diferença” (de Cao Hamburger) teve seu spin-off, “As Five” (de Cao Hamburger), que já possui segunda temporada confrmada, divulgado no primeiro dia do evento “CCXP – Comic Con Experience 2019” em São Paulo (São Paulo).

As atrizes Ana Hikari (Tina), Daphne Bozaski (Benê), Gabriela Medvedovski (Keyla), Heslaine Vieira (Ellen) e Manoela Aliperti (Lica), junto com o autor da série Cao Hamburger (homenageado na CCXP) participaram de dois painéis no evento. O primeiro, moderado pelo André Marques (nosso Mocotó) e o outro na Arena Globoplay com condução da apresentadora Paula Oliveira, transmitido ao vivo pelo Facebook do Gshow.

Na trama escrita para a plataforma de streaming, Keyla (Gabriela Medvedovski), Ellen (Heslaine Vieira), Lica (Manoela Aliperti), Tina (Ana Hikari) e Benê (Daphne Bozaski) se reencontram após seis anos sem se verem e três anos desde a última conversa em grupo no aplicativo de mensagens. Enquanto suas vidas voltam a se embaralhar na Grande São Paulo, elas percebem aos poucos que a afeição, o companheirismo e a afinidade permanecem tão intensos quanto antes.

As meninas agora são mulheres e os desafios são mais complicados. No auge dos seus 25 anos, todas estão às voltas com conflitos pessoais, amorosos e profissionais de naturezas bem distintas, embora comuns a uma geração descrente com a economia, a política e a vida afetiva. A transição para a vida adulta acontece em meio a muitas incertezas, e o reencontro faz com que elas se sintam mais fortes para enfrentar o que vem pela frente.

“É uma fase da vida interessante, quando o jovem vira adulto e precisa lidar com outras questões. São as mesmas personagens de ‘Viva a Diferença’, mas em outro registro. O estilo de filmagem, a interpretação, a abordagem dos temas, tudo agora é diferente, de acordo com a linguagem de série e o momento em que elas estão”, explica Cao Hamburger.