Daniel Rocha, Kelzy Ecard, Norival Rizzo e Carlos Takeshi farão a websérie “Spectros”

 -  - 

 

 


Daniel Rocha (Foto: Cíntia Carvalho)

Além dos confirmados Cláudia Okuno, Danilo Mesquita, Enzo Barone, Mariana Sena e Pedro Carvalho, Daniel Rocha (“Cidade Proibida”), Kelzy Ecard (“Segundo Sol”), Norival Rizzo (“Apocalipse”) e Carlos Takeshi (“Malhação – Viva a Diferença”) também estão escalados para a websérie “Spectros”, que vai ser exibida pela plataforma de vídeo por streaming Netflix.

A websérie gira em torno de um grupo de cinco adolescentes acidentalmente atraídos para uma realidade sobrenatural que eles não podem compreender e que se conecta ao mesmo local da cidade em 1858. Quando confrontado por eventos cada vez mais bizarros e sombrios, o grupo chega a uma conclusão inevitável: alguém está trazendo a morte de volta e os espíritos querem vingança pelos erros cometidos no passado. Douglas Petrie é produtor executivo e diretor.

Spectros terá oito episódios e o lançamento mundial na Netflix está marcado para 2020. Baseada em conceito desenvolvido por Anderson Almeida, Antonio de Freitas e Michael Ruman, a websérie tem um time de roteiristas que conta ainda com Michael Ruman, Anderson Almeida, Antônio de Freitas, Janaína Tokitaka e Paula Knudse.

Já o drama futurístico “Onisciente” chegará à plataforma em 2020 e mostrará um mundo altamente controlado, onde todos são vigiados por um sistema onisciente. Cada cidadão é seguido constantemente por um pequeno e quase imperceptível drone. A máquina alimenta um supercomputador com dados, ao qual ninguém tem acesso. As taxas de criminalidade são quase zero, uma vez que os criminosos sabem com certeza que serão capturados. O Sistema Onisciente parece perfeito até que uma jovem chamada Nina descobre um assassinato, mas o crime não é relatado pelo Sistema. Agora, cabe a ela descobrir o que ele está tentando esconder. Carla Salle (“Onde Nascem Os Fortes”), Luana Tanaka (“A Garota da Moto”) e Marcello Airoldi (“Deus Salve O Rei”) foram anunciados como os protagonistas do projeto produzido por Pedro Aguilera.

bookmark icon