Siga o Noticiasdetv.com


 

 

Cinema

Agatha Moreira e Renato Góes vão protagonizar o filme “Cárcere Privado”

Matéria publicada em

Agatha Moreira (Foto: Reprodução)

Agatha Moreira e Renato Góes – que quase estrelaram a novela “Deus Salve  O Rei” (de Daniel Adjafre) juntos na Rede Globo – agora vão protagonizar o filme de longa-metragem “Cárcere Privado” (de Paulo Fontenelle), cujas rodagens vão acontecer após o término pós-pandêmico das gravações da novela “Verdades Secretas 2” (de Walcyr Carrasco).

Longa metragem de ficção no gênero ação com duração prevista de 100 minutos, Cárcere Privado tem um roteiro frenético, que não deixa o espectador parar um só minuto para respirar. A partir da invasão de um cativeiro por parte da polícia, sequestradores fogem pelos becos e vielas de uma favela baixa de uma grande cidade brasileira. Uma equipe de reportagem está em seu carro tentando chegar ao local, mas a confusão é tamanha que eles têm dificuldade de achar um caminho. Após a fuga dos sequestradores, a equipe decide que o melhor é tentar encurralá-los entre a favela e a rodovia por onde devem tentar seguir e, assim, conseguir uma exclusiva. A jornalista mais empolgada é Cristina, a repórter que comanda a equipe. Os sequestradores seguem em sua fuga desenfreada pelos corredores da favela e acabam indo parar dentro de um estacionamento onde está sendo realizado um pagamento de traficantes a um grupo de extermínio. A confusão é imediata, pois os dois lados acham que foram traídos e um tiroteio é inevitável. As baixas são grandes e parece uma situação sem saída, mas Felipe, chefe do grupo de extermínio, repara que Gustavo, um dos sequestradores, pula um muro baixo para escapar do local. Ele sinaliza para Carlos, um de seus capangas, que pega a mala com o dinheiro do pagamento e os dois partem atrás de Gustavo. Felipe alcança o sequestrador e o arremessa violentamente para dentro de um dos barracos. Após um embate, ele, Carlos e Gustavo acabam chegando num acordo: o sequestrador precisa tirá-los de dentro da favela para sobreviver. Gustavo é morador do local e conduz os comparsas exatamente para o caminho da rodovia federal, para que possam roubar um carro e fugir dali. O problema é que a equipe de Cristina está esperando por eles na última viela. A repórter ainda tenta conseguir a reportagem, mas quando se dá conta do risco que estão correndo, decidem ir embora.

O problema é que não há mais tempo, Felipe, Carlos e Gustavo rendem a todos. Eles sequestram o carro de reportagem com toda a equipe dentro e fogem para a auto-estrada. Todos seguem para uma casa no meio do nada que serve de esconderijo para Felipe e seus comparsas. Um jogo psicológico e violento se inicia, onde ninguém sabe em quem confiar ou quem vai ficar vivo até o final.

Cárcere Privado é uma exposição da violência e da forma banalizada como ela é vista pelos meios de comunicação. Além disso, fala sobre a capacidade que o ser humano tem de levar suas ações até as últimas consequências. Cristina está tão focada com sua obsessão pela notícia que coloca a sua vida e as vidas de todos os integrantes de sua equipe em risco, sem se preocupar com isso. O roteiro traz um forte desenvolvimento dramático porém, o tema escolhido e as cenas de ação serão direcionadas para atingir a um público mais abrangente, de diversas classes sociais. Uma história dinâmica, cheia de viradas surpreendentes, personagens fortes, drama, ação e suspense.