Siga o Noticiasdetv.com


 

 

Novela

TV Brasil vai reprisar a novela bíblica “Os Dez Mandamentos” em 2021

Matéria publicada em

Guilherme Winter (Foto: Reprodução)

Alimentado pelo governo federal, o canal público TV Brasil vai reprisar as duas temporadas da novela bíblica “Os Dez Mandamentos” (de Vívian de Oliveira) e a estreia vai acontecer ainda em 2021. O projeto, protagonizado por Camila Rodrigues, Giselle Itié, Guilherme Winter e Sérgio Marone, foi ao ar na Record TV.

Sinopse

1300 a.C., Pi-Ramsés, Egito. O poderoso faraó Seti I (Zé Carlos Machado), que nunca escondeu seu ódio pelos hebreus, determina a morte de todos os bebês de origem israelita do sexo masculino. Muitos recém-nascidos tiveram suas vidas interrompidas ao serem jogados no rio Nilo. No entanto, um deles foi salvo por sua família, que o colocou dentro de um cesto, confiando que Deus o guiaria pelo rio a um local seguro. O menino do cesto acabou sendo acolhido pela princesa Henutmire (Mel Lisboa) que, em um ato de piedade, resolveu cuidar da criança. Ela o batizou de Moisés e o criou como um verdadeiro príncipe egípcio, ao lado de seu tio-irmão Ramsés (Edu Pinheiro) e da bela Nefertari (Giovanna Maluf). A beleza dela despertará o amor dos dois, que viverão muitos conflitos.

Moisés, já adulto (Guilherme Winter), se envolve com o sofrimento de seu povo e enfrenta o temível faraó. Após desavenças, ele foge e vai para Midiã, onde se casa com a rebelde Zípora (Giselle Itié) e passa a trabalhar como pastor de ovelhas. É lá que, durante o pastoreio de seu rebanho, a vida de Moisés muda para sempre. Ele recebe um chamado de Deus, que o manda de volta ao Egito para libertar seu povo da escravidão. Em seu retorno, Moisés encontra seus irmãos Arão (Petrônio Gontijo) e Miriã (Larissa Maciel), além de sua mãe Joquebede (Denise Del Vecchio). Para cumprir o que Deus ordenou, o profeta precisa enfrentar um grande inimigo, seu tio-irmão Ramsés (Sérgio Marone), herdeiro do trono do Egito, que fará de tudo para impedir Moisés de retirar seu povo de lá.

É nesse cenário que a insistência de Ramsés fará o povo egípcio enfrentar dez pragas enviadas por Deus: águas virarão sangue; rãs, piolhos, moscas e gafanhotos invadirão a região; doenças atingirão os animais; fogo e granizo cairão do céu; as trevas ocuparão o lugar da luz; e, por fim, a morte dos primogênitos egípcios. Após a décima praga, que custou a morte de seu filho mais velho, Ramsés permite ao povo hebreu abandonar o Egito. No entanto, ele volta atrás e manda seu exército perseguir os hebreus no deserto. Durante a perseguição, ocorre um dos mais famosos milagres bíblicos: Deus abre o Mar Vermelho, permitindo aos hebreus atravessá-lo a pés secos. Quando seu povo chega ao outro lado, Deus fecha o mar, afogando e matando o exército egípcio.