Giselle Itié vai interpretar imigrante ilegal no curta-metragem “Freedom”

Giselle Itié (Foto: Reprodução)

Afastada da televisão aberta desde o término da novela medieval “Belaventura” (de Gustavo Reiz), que se trata do seu último trabalho enquanto contratada da Record TV, Giselle Itié vai interpretar uma imigrante mexicana no filme de curta-metragem “Freedom” (de Eduardo Albuquerque), que é ambientado em Los Angeles (Califórnia/Estados Unidos).

Na história dirigida por Ana Monteiro e Yuri Sardenberg – que vai rodar os festivais internacionais de cinema em 2019 – sua personagem é uma mãe superprotetora, que sonha em oferecer uma vida mais digna para seu filho, motivo pelo qual resolve enfrentar a política linha-dura de imigração do presidente americano Donald Trump.

Além do filme de curta-metragem “Freedom”, Giselle Itié também faz parte do elenco da terceira temporada da série “Me Chama de Bruna” (de Armando Praça, Gustavo Pizzi e Leda Cartum), na qual contracena com Álamo Facó, Clarice Niskier, Enzo Romani, Malu Valle, Maria Bopp, MV Bill, Nill Marcondes, Paloma Duarte, Ravel Andrade, Samuel de Assis, Stella Rabello, Thelmo Fernandes e Wallace Ruy.

Outro projeto para o qual ela está escalada é a série “Homens” (de Fábio Porchat), da produtora Porta dos Fundos, na qual contracena com Cintia Rosa, Dhu Moraes, Gabriel Godoy, Gabriel Louchard, Giselle Batista, Jesus Luz, João Bravo, Julianne Trevisol, Lorena Comparato e Raphael Logam.

Giselle Itié possui em seu currículo trabalhos como, por exemplo, “Help”, “A Babá”, “O Mistério da Estrada de Sintra”, “Mais Uma História no Rio”, “Flordelis – Basta Uma Palavra Para Mudar”, “Inversão”, “Os Mercenários”, “On The Road”, Caleuche: “El Llamado del Mar”, “Syndrome”, “Os Maias”, “Pícara Sonhadora”, “Esperança”, “Carga Pesada”, “Kubanacan”, “Começar de Novo”, “Mandrake”, “Avassaladoras”, “Pé na Jaca”, “Nome de Código: Sintra”, “O Profeta”, “Faça Sua História”, “Casos e Acasos”, “Bela, a Feia”, “Máscaras”, “O Milagre dos Pássaros”, “Milagres de Jesus”, “As Canalhas”, “Os Dez Mandamentos”, “Belaventura”, “Me Chama de Bruna” e “Homens”.