Fernanda Vasconcellos pede desligamento da série “Lendas Urbanas”

 - 


Fernanda Vasconcellos (Foto: Reprodução)

Afastada da televisão desde o ano de 2016, quando viveu a advogada psicopata Bruna Vidal na novela “Haja Coração” (de Daniel Ortiz), na Rede Globo, Fernanda Vasconcellos pediu seu desligamento da série “Lendas Urbanas”, que se trata de uma coprodução entre a emissora Record TV e a produtora Sentimental Filme.

Atualmente, ela está no ar como Laís na segunda temporada da série “3%” (de Pedro Aguilera), que é exibida pela plataforma de vídeo por streaming Netflix. Seu último trabalho foi como Luísa no filme de longa-metragem “Boca de Ouro” (de Euclydes Marinho), que estreia em breve no circuito de cinema nacional.

Em seu lugar, Júlia Lund está escalada para viver Rosane em “A Gangue do Palhaço”, que fala sobre um caso ocorrido em São Paulo, na década de 90. A partir da repercussão de uma reportagem de um telejornal, “Os Crimes Que Abalaram O Mundo”, uma pessoa começa a assustar a população.

A lenda urbana faz várias pessoas acreditarem que um único palhaço está sequestrando crianças descuidadas pelos pais nas ruas no município, com o intuito de vender seus órgãos. A cada boca-a-boca, a história aumenta, dizendo que uma gangue de palhaços assassinos está agindo em escolas públicas, com uma kombi azul.

O elenco da série “Lendas Urbanas” é formado até o momento pelos atores André Bankoff, André Guerreiro, Anna Lara Prates, Carolina Guerra, Cláudia Assunção, Cristina Flores, Daniela Arantes, Duda Balestero, Enzo Barone, Fernanda Rocha, Fernando Eiras, Júlia Lund, Maria do Carmo, Matheus Fagundes, Natália Lage, Pedro Lopes, Rael Barja, Rafaela Mandelli, Renata Dutra, Thiago Pinheiro, Tiffany Alvares e Vanessa Loren.

Escrita por Fernando Coimbra, a produção conta com a direção geral de Gustavo Hernandez e Juliana Rojas, além da direção artística de Fernando Coimbra. Com estreia marcada para setembro, a primeira temporada possui cinco episódios de quarenta minutos cada um.

bookmark icon