Pedro Maya é Garoto em “Malhação – Vidas Brasileiras”, que estreia dia 7

 - 

 

 


Pedro Maya (Foto: João Cotta)

Na próxima temporada da novelinha teen “Malhação”, subtitulada como “Malhação – Vidas Brasileiras”, que estreia na próxima quarta-feira (7) na Rede Globo, Garoto (Pedro Maya) é um morador de rua, que ganha a vida assaltando motoristas, passageiros e pedestres do Rio de Janeiro. Quando dá, ele prefere pedir esmola nos semáforos.

A índole duvidosa de Garoto chama a atenção de Alex (Daniel Rangel), Flora (Jeniffer Oliveira), Gabriela (Camila Morgado), Mel (Maria Rita Silva) e Paulo (Felipe Rocha) durante um arrastão na zona sul da cidade maravilhosa, a ponto de Gabriela decidir que precisa fazer alguma coisa para ele sair dessa vida.

Graças ao projeto social de Marcelo (Bukassa Kabengele), Rafael (Carmo Dalla Vecchia) e Vinícius (André Luiz Miranda) para oferecer educação particular gratuita para adolescentes carentes no Colégio Sapiência, em parceria com a ONG Percurso, Gabriela consegue tirar Garoto do mundo do crime, fazendo com que ele se dedique integralmente aos estudos.

Só que, ao descobrir que Gabriela vai trabalhar no mesmo projeto social que seu ex-namorado de adolescência, Rafael, Paulo possui uma crise de ciúme, insegurança e machismo, pois teme perder sua esposa para seu rival de anos.

Além de Alex e Flora, Garoto começa a estudar junto com Amanda (Pally Siqueira), Érico (Gabriel Fuentes), Fabiana (Giovanna Rangel), Felipe (Gabriel Contente), Hugo (Leonardo Bittencourt), Jade (Yara Charry), Leandro (Dhonata Augusto), Márcio (André Luiz Frambach), Maria Alice (Alice Milagres), Michael (Pedro Vinícius), Pérola (Rayssa Bratillieri), Talíssia (Luellem de Castro), Tito (Tom Karabachian), Úrsula (Guilhermina Libanio) e Verena (Joana Borges) no Colégio Sapiência.

Escrita por Patrícia Moretzsohn, com a colaboração de Chico Soares, Laura Rissin e Renata Dias Gomes, “Malhação – Vidas Brasileiras” conta com a direção geral de Giovanna Machline, Matheus Malafaia, Mayara Aguiar, Natália Warth e Thiago Teitelroit, além direção artística de Natália Grimberg. A supervisão narrativa é de Daniel Ortiz.

bookmark icon