Cássia Kis Magro integra o elenco da peça teatral “Rio – O Musical”

Após viver Djanira na novela “A Regra do Jogo” (de João Emanuel Carneiro), a atriz Cássia Kis Magro, que foi o primeiro nome cotado para viver Encarnação na novela “Velho Chico” (de Edmara Barbosa e Bruno Barbosa Luperi a partir do argumento de Benedito Ruy Barbosa) e vai voltar à televisão em setembro deste ano com a série “Nada Será Como Antes” (de Guel Arraes, João Falcão, Jorge Furtado e Mauro Wilson), vai integrar o elenco da peça teatral “Rio – O Musical”, que conta com a autoria de Geraldo Carneiro e a direção de Ulysses Cruz.

A peça teatral “Rio – O Musical”, que mistura os gêneros de ação e comédia, possui previsão de estreia para junho deste ano no Rio de Janeiro e as audições para a formação do elenco vão acontecer nas próximas semanas, requerendo que os atores atuem, cantem e dancem. Inspirado no filme de longa-metragem homônimo, a animação norte-americana Rio, o espetáculo em questão é uma homenagem à cidade do Rio de Janeiro e fala sobre a história do município, resgatando os seus belos cenários, a sua diversificada cultura, as suas figuras icônicas e as suas músicas clássicas. A obra promete ainda muito romance em tempos de corrupção política e foge desse último contexto.

Além da série “Nada Será Como Antes” e da peça teatral “Rio – O Musical”, a atriz Cássia Kis Magro também foi convocada para o elenco da minissérie “O Outro Lado da Lua”, escrita por Euclydes Marinho, que possui previsão de estreia para janeiro de 2018 na Rede Globo, sob a direção geral de Joana Jabace e Paulo Silvestrini, além da direção artística de Amora Mautner. Também estão reservados para o time em questão os atores Bruno Gagliasso, Letícia Colin, Marjorie Estiano, Renata Sorrah e Susana Vieira. Todos eles já trabalharam com Amora Mautner, responsável pela novela “A Regra do Jogo”.

É proibido reproduzir, reescrever ou copiar, integralmente ou parcialmente, o conteúdo do site Notícias de TV, sob pena de ação judicial pelo crime de violação de direito autoral, previsto no código penal brasileiro. Todos os direitos são reservados.

É proibida a reprodução do conteúdo do site Noticiasdetv.com, sob pena de ação judicial por crime de violação de direito autoral, previsto na legislação internacional.