Siga o Noticiasdetv.com


 

 

Resumo Diário

Resumo Semanal: Novela “Cabocla”: 03/04/2020 a 04/04/2020

Matéria publicada em

CAPÍTULO 155: SEXTA-FEIRA: 03/04/2020: Justino acha que Xexéu contou tudo e pergunta se Boanerges vai mandar um telegrama ao governador, pedindo que não receba Neco. Boanerges confessa que não sabia nada e que também não vai tomar atitude alguma. Depois, comenta com Zé que dificilmente Neco será recebido pelo governador. Belinha mostra para Emerenciana que as cartas são assinadas com o nome de Gustavo e que pode mostrar ao pai. Pepa acompanha Mariquinha até a escola. Dr. Teles examina Zuca. Zé acha que eles se preocuparam à toa. Ritinha comenta que a doença é traiçoeira. Zuca diz ao médico que sentiu muito enjôo. Ele constata que ela está com a garganta inflamada. Pepa reage ao saber que Felício pensa em vender o sítio. Dr. Teles faz perguntas sobre o noivado de Zuca e se preocupa ao saber que houve um rompimento. Mariquinha engasga quando Julieta comenta que ela deve estar grávida e pede que nada seja comentado com o pai. Tobias diz que só vai embora depois de acertar contas com Desidério. Justino e Tobias discutem e quase usam suas armas. Felício avisa ao filho que pretende vender suas terras para Justino. Boanerges insiste em ler as cartas e Emerenciana diz que já as leu, que o noivo trata Belinha muito bem e ele desiste. Generosa diz que não se opõe mais à venda do sítio. Tina conta para Tobias que está esperando um filho de Tomé. Ele garante que vai dar a criança o amor que Tomé não vai poder dar.

CAPÍTULO 156: SÁBADO: 04/04/2020:  Justino tem um acesso de raiva ao saber da gravidez de Mariquinha. Luís decide que precisa esquecer Zuca, mas sofre. Zuca coloca a duas alianças de volta no dedo. Ritinha diz que dá azar bancar a viúva. Bina arranca as alianças da mão da filha. Neco conta para Xexéu que não foi recebido pelo governador. Neco lê a carta de Belinha, mas permanece desanimado, sentindo-se um fracasso como prefeito. Boanerges comemora a derrota de Neco. Neco lembra a Boanerges que a casa em que vive pertence à Prefeitura e que vai precisar dela para receber o Governador e sua comitiva. E diz que o governador mandou lembranças, que o coronel é muito prestigiado e que eles agora estão unidos em prol do povo. Boanerges convida Neco para tomar uma cerveja. Boanerges confessa a Emerenciana que jamais foi recebido pelo governador e que acredita que Neco poderá fazer alguma coisa pelo povo. E tem certeza de que ele mentiu sobre o governador, assim como ele mentiu tantas vezes, porque o que deseja mesmo é que o povo não perca as esperanças. Neco conta ao pai que nem falou com o governador e que está prestes a desistir de tudo. Boanerges declara o seu amor a Emerenciana. Belinha acorda assustada depois de sonhar que Macário matava Neco. Luís marca encontro com a amiga da Pequetita. Justino garante que vai comprar as terras e arremata que será para o neto de Felício e Generosa. Os dois levam um choque.

Advertisement