Resumo Diário: Novela “A Terra Prometida”: 04/03/2019: Segunda-Feira

 -  - 

 

 


Day Mesquita (Foto: Edu Moraes)

CAPÍTULO 159: SEGUNDA-FEIRA: 04/03/2019: Mara fica desapontada ao saber que Ioná está grávida de Elói. Pirã sugere que Abul seria um rei muito melhor que Adonizedeque. O general reflete sobre o que ouviu. Mara diz não admitir que Elói um dia lidere sua tribo. Abul conversa com Pirã e diz que pedirá o apoio de Úrsula. Mara invoca os deuses pagãos e se assusta ao ver um vulto. Inês estranha o comportamento da vilã. Ioná conta para as outras hebreias sobre sua gravidez. Josué exige que todos voltem ao treinamento. Tobias dá em cima de Chaia. Josué ordena que as buscas à Aruna continuem. Bastante debilitada, Aruna chama por Josué no palácio. Haniel pede para Tirda se vestir com a roupa dada por ele. Ula e Lina se oferecem para ajudar Mireu a cuidar de Aruna. Mara constrange Tirda ao criticar seu vestido. Ruth fala da gravidez de Ioná. Haniel se declara para Tirda. Raabe sai para passear com Boaz. Mara, diante das estatuetas cananeias, inicia um ritual pagão. Raabe sente um cheiro estranho e vai até o celeiro. Mara percebe a aproximação de alguém e se esconde. Raabe se depara com as estatuetas e se espanta ao ver Mara no local. Quemuel se irrita com a frieza de Samara. Mara nega ser a responsável pelo ritual e acusa Raabe de ter trazido as estatuetas. Zareg se oferece para ajudar nas buscas à Aruna. Amarrado, Otniel segue na caravana de escravos. Ele ora e pede a ajuda de Deus. Raabe encontra Salmon e fala sobre o encontro com Mara. A vilã procura Josué e acusa Raabe de ter feito o ritual pagão. Abul se abre com Úrsula e revela toda a verdade sobre as rainhas prisioneiras. Iru e Jéssica levam Acsa até Naftali. Ula e Lina ajudam Mireu a cuidar de Aruna no palácio. Abul mata os oficiais de Adonizedeque e entra no quarto secreto com Úrsula. Milagrosamente, Aruna recebe a ajuda de Deus e sobrevive. Úrsula explode de ódio ao ver as caveiras de sua mãe e avó. Adonizedeque flagra Mireu beijando Ula. O rei ordena que os soldados prendam a taberneira. Mireu mente sobre a recuperação de Aruna.

CAPÍTULO 160: TERÇA-FEIRA: 05/03/2019: Úrsula diz que se vingará de Adonizedeque. Iru pede Jéssica em casamento. Elias também pede a mãe de Laís. Úrsula e Abul planejam trair o rei. Noemi ampara Acsa. Boã parabeniza Setur. Acsa mostra fé em Deus. Abul encontra Pirã e revela o plano de traição. Úrsula finge inocência para o pai. Salmon e Raabe procuram Josué para falar sobre o ritual feito por Mara. Úrsula conversa com o rei fingindo não saber da morte das prisioneiras. Salmon e Isaque seguem procurando por Aruna e acabam encontrando uma codorna atingida por uma flecha. Eles levam a flecha encontrada até Josué e todos percebem que Zaqueu é inocente. O líder de Israel ordena que os guerreiros tragam Zaqueu de volta ao acampamento. Samara e Tobias ficam preocupados. Mireu procura Úrsula e conta que foi flagrado pelo rei beijando Ula. A princesa avisa que em breve todos não precisarão se preocupar com Adonizedeque. Pirã procura o soberano de Jerusalém e avisa que estão tramando sua morte. Chaia agradece a Deus por terem provado a inocência de Zaqueu. Pirã conta que Úrsula e Abul estão tentando trair o rei.

CAPÍTULO 161: QUARTA-FEIRA: 06/03/2019: Adonizedeque fica incrédulo. Tobias se desespera, mas Samara o tranquiliza dizendo que Aruna está morta. Agoniado, Mireu diz que precisa arrumar um jeito de encontrar Ula. Na cozinha do acampamento, Mara encontra outras hebreias e avisa que tem alguém adorando deuses pagãos em Gilgal. A vilã escuta vozes e fica transtornada. Raabe a observa. Adonizedeque desabafa com as caveiras. Mireu encontra Ula e avisa que Úrsula fará algo contra o rei. Zaqueu diz que alguém flechou Aruna e o culpou. Livana diz estar orgulhosa de Rune. Mara vai até a tenda de Elói e lhe pede desculpas. Ela entrega um cesto de pães e finge, dizendo estar arrependida. Quando ele se vira, a vilã puxa uma faca para golpeá-lo. Aruna tenta sair do quarto, mas é impedida pelos guardas. Antes de esfaquear Elói, Mara é interrompida pela chegada de Raabe. Aruna é levada de volta à masmorra. Ula tenta ampará-la. Adonizedeque finge não saber de nada e comemora a recuperação de Aruna. Abul se aproxima de Úrsula e avisa que chegou o momento de envenenar o rei. Josué procura Aiúde e diz estar desconfiando que Mara. O líder de Israel avisa que a vilã foi vista por Raabe cultuando as estatuetas. Abul joga o veneno na bebida de Adonizedeque. Mara encontra Aiúde e confessa ter sequestrado o bebê de Raabe. Josué aparece e diz ter ouvido tudo.

CAPÍTULO 162: QUINTA-FEIRA: 07/03/2019: De Adonizedeque (Mário Frias) vai se vingar, diz Úrsula (Letícia Peroni). Em casamento, Jéssica (Maytê Piragibe) é pedida por Iru (Guilherme Boury). A mão de Laís (Ariela Massotti) é pedida por Elias (João Bourbonnais). A traição ao rei é planejada por Abul (Joelson Medeiros) e Úrsula. Acsa (Marisol Ribeiro) é amparada por Noemi (Nívea Stelmann). Setur (Caetano O’Maihlan) é parabenizado por Boã (Tatsu Carvalho). Fé em Deus é mostrada por Acsa. O plano de traição é revelado a Pirã por Abul ao se encontrarem. Para o pai, finge inocência Úrsula. Para falar sobre o ritual feito por Mara (Cristiana Oliveira), Salmon (Rafael Sardão) e Raabe (Miriam Freeland) procuram Josué (Sidney Sampaio). Fingindo não saber da morte das prisioneiras, Úrsula e o rei conversam. Uma codorna atingida por uma flecha é encontrada por Salmon e Isaque (Daniel Erthal) ao seguirem na procura por Aruna (Thais Melchior). Zaqueu (Ricky Tavares) é inocente, percebem todos quando a flecha encontrada é levada por eles até Josué. De volta ao acampamento, Zaqueu deve ser trazido, ordena aos guerreiros o líder de Israel. Ficam preocupados Tobias (Raphael Vianna) e Samara (Paloma Bernardi). O beijo em Ula (Rafaela Mandelli) foi flagrado pelo rei, conta Mireu (Eduardo Magalhães) ao procurar Úrsula. Não precisarão se preocupar em breve com Adonizedeque, diz a princesa. Estão tramando sua morte, avisa Pirã (o nome do ator não foi divulgado) ao procurar o soberano de Jerusalém. A inocência de Zaqueu é alvo de agradecimento a Deus por Chaia (Juliana Boller). Estão tentando trair o rei Úrsula e Abul, conta Pirã.

CAPÍTULO 163: SEXTA-FEIRA: 08/03/2019: Fica incrédulo Adonizedeque. Aruna está morta, diz Samara ao tranquilizar Tobias quando ele se desespera. De encontrar Ula é preciso arrumar um jeito, diz Mireu, agoniado. Alguém está adorando deuses pagãos em Gilgal, avisa Mara em encontro com outras hebreias. Fica transtornada ao escutar vozes a vilã. A observa Raabe. Com as caveiras, desabafa Adonizedeque. Úrsula fará algo contra o rei, avisa Mireu ao encontrar com Ula. Aruna foi flechada por alguém para o culpar, diz Zaqueu. De Rune (Douglas Sampaio) está orgulhosa, diz Livana (Letícia Medina). A Elói (Claudio Gabriel) Mara pede desculpas ao ir até sua tenda. Dizendo estar arrependida, ela finge ao lhe entregar um cesto de pães. Para golpeá-lo, a vilã puxa uma faca quando ele se vira. Guardas impedem Aruna sair do quarto quando ela tenta. Raabe chega e interrompe Mara antes dela esfaquear Elói. De volta à masmorra é levada Aruna. Ela tenta ser amparada por Ula. A recuperação de Aruna é comemorada por Adonizedeque ao fingir não saber de nada. É o momento de envenenar o rei, avisa Abul ao se aproximar de Úrsula. De Mara está desconfiado, diz Josué ao procurar Aiúde (Fábio Villa Verde). Cultuando as estatuetas, Mara foi vista por Raabe, avisa o líder de Israel. Na bebida de Adonizedeque, Abul joga veneno. Confessa Mara ter sequestrado o bebê de Raabe ao encontrar Aiúde. Diz ter ouvido tudo Josué ao aparecer.

bookmark icon