- 

Alexandra Richter, Bia Montez e Eva Wilma farão a novela “O Tempo Não Para”


Alexandra Richter (Foto: Reprodução)

Alexandra Richter (“Pega Pega”), Bia Montez (“A Lei do Amor”) e Eva Wilma (“Verdades Secretas”) são mais três nomes contratados para a próxima novela das 19h da Rede Globo, “O Tempo Não Para”, que vai substituir “Deus Salve O Rei” (de Daniel Adjafre) a partir do dia 31 de julho.

A história possui início no ano de 1886, quando o coronel do exército Sabino (Edson Celulari) e a dona de casa Agostina (Rosi Campos) decidem levar suas três filhas, as adolescentes Kiki (Nathalia Rodrigues), Marocas (Juliana Paiva) e Nico (Raphael Alvitos), para um cruzeiro de navio no entorno da patagônia argentina.

Junto com Agostina, Kiki, Marocas, Nico e Sabino, também embarcam os escravos Cairu (Cris Vianna), Cecílio (Maicon Rodrigues), Cesária (Olívia Araújo), Damásia (Aline Dias) e Merielau (David Júnior), além dos agregados Bento (Bruno Montaleone), Celine (Maria Eduarda de Carvalho) e Teófilo (Kiko Mascarenhas), mas todos são vítimas de um naufrágio.

Agostina, Bento, Cairu, Cecílio, Cesária, Damásia, Kiki, Marocas, Merielau, Mites, Nico, Sabino e Teófilo ficam congelados no fundo do mar durante 132 anos e despertam no Brasil.

O elenco da novela “O Tempo Não Para” é formado até o momento pelos atores Adriane Galisteu, Alexandra Richter, Bárbara França, Bia Montez, Bruna Hamú, Bruno Montaleone, Carla Diaz, Christiane Torloni, Cleo Pires, Cris Vianna, Dani Ornellas, David Júnior, Edson Celulari, Eva Wilma, Felipe Simas, João Baldasserini, Juliana Paiva, Kiko Mascarenhas, Klebber Toledo, Lucy Ramos, Maicon Rodrigues, Maria Eduarda de Carvalho, Milton Gonçalves, Nathalia Rodrigues, Ney Latorraca, Olívia Araújo, Raphaela Alvitos, Regiane Alves, Rosi Campos, Solange Couto, Talita Younan, Vanessa Giácomo, Vivianne Pasmanter e Wagner Santisteban.

Escrita por Mário Teixeira, com a colaboração de Sérgio Marques e Tarcísio Lara Puiati, a produção conta com a direção geral de Adriano Melo, Bruno Martins, Felipe Louzada e Marcelo Travesso, além da direção artística de Leonardo Nogueira.

bookmark icon