Resumo Semanal: Novela “Belaventura”: 11/12/2017 a 15/12/2017

Alexandre Slaviero (Foto: Reprodução)

CAPÍTULO 100: SEGUNDA-FEIRA: 11/12/2017
Pietra pede desculpas à Elia e diz que viu um invasor. Lizabeta diz que seu irmão está em certo em querer protege-la. Elia acha melhor não fazer alarde e que foi apenas um acidente. Enrico diz que Merlino terá de dizer toda a verdade e que não há espaço para um homem como Merlino na corte. Bartolion pede que tenha cuidado. Cedric ameaça Falstaff se não contar o que sabe sobre Lucy. Falstaff mostra a Cedric um embrulho que chegou para Lucy depois do desaparecimento dela. Cedric pega o embrulho. Enquanto Otoniel está sozinho na masmorro, Severo lhe oferece água mas Otoniel bate na cuia. Severo continua falando mal de Enrico e Otoniel acredita nele. Selena conversa com Leocádia e diz que Brione merece se tornar a sucessora do trono, pois assim ganharia tempo. Enrico vai até a masmorra e com uma espada em mãos obriga Merlino a dizer o que fez para Pietra. Pietra pede que Elia a perdoe. Dulcinéa fala para Pietra que não existia nenhum invasor no quarto. Pietra fica em dúvida se o encontro com sua mãe é obra de sua imaginação. Merlino conta a Enrico que não foi o que ele deu a Pietra que causou as alucinações dela, mas sim o antídoto que Bartolion deu e que agora só o conselheiro terá que desfazer este mal que provocou. Bartolion diz para Jacques, Dumas e Accalon que não admite que levantem desconfianças a respeito de suas intenções. Leocádia diz para Severo que caso opte em não dar algum poder a Falstaff é melhor acabar com ele de uma vez por todas. Severo fica ali pensativo. Cedric está conversando com Nodier quando Selena aparece. Cedric diz para ela que tem uma prova de que Lucy pode estar viva e abre o embrulho. É uma roupa preta com uma máscara de médico igual ao do médico da peste visto por Pietra. Enrico conversa com Pietra e os dois se declaram. Carmona sai para caminhar com Corinto na Vila quando Fergau surge com alguns errantes. Carmona fica tensa. Severo está na sala com Nodier e Cedric para em breve fazerem a transferência do prisioneiro. Nodier diz para o rei que pode confiar nele nesta missão. Neste momento, Selena aparece e diz que vai junto com Nodier. Pietra coloca um bilhete em sua cama e tenta sair do quarto quando percebe que a porta está trancada. Ela olha para trás e vê o médico da peste acompanhado de mais cinco pessoas como se fossem vítimas da peste. Pietra entra em pânico e se desespera perguntando o que querem dela.

CAPÍTULO 101: TERÇA-FEIRA: 12/12/2017
Pietra está apavorada diante de seu delírio em ver o médico da peste e de outros doentes se aproximarem dela. Mistral revela a Enrico que quando foi atacado pelos homens de Cedric, ouviu falar se existia alguma chance de Lucy estar viva. Enrico se surpreende. Lizabeta diz para Jacques que trancou Pietra no quatro pensando na segurança de Enrico e de todos. No castelo Valedo, Selena fica sabendo que o prisioneiro é o rei Otoniel. Pietra se desespera quando o médico da peste e os outros doentes seguram seu braço. Ela grita por ajuda. Enrico diz para Mistral e Bartolion que Pietra não pode saber da possibilidade de sua mãe estar viva. Brione e Gonzalo se beijam. Ela conta para Gonzalo que Selena quer transforma-la em rainha ao invés de Jacques. Marion diz para Arturo que ele não pode abrir mão do que é seu e não pode continuar vivendo como plebeu. lizabeta conta para Enrico que trancou Pietra no quarto e diz que só ele poderá salvá-la. Enrico pega a chave e sai correndo para o quarto. Ao entrar, vê Pietra na cama chorando e ela confirma que tinha a intenção de fugir. Mistral pressiona Merlino a revelar uma fórmula para reverter o efeito do veneno dado para Pietra. Merlino diz que não vai fazer diferença para ele e que quer mesmo que ela morra. Pietra pede que Enrico a deixe ir para não acontecer algo pior. Ela diz que tem medo de fazer alguma coisa contra a vontade dela por causa dos delírios e que, mesmo o amando, acha melhor ir embora. Dumas diz para Bartolion que a cura de Pietra pode estar na floresta. Enrico diz para Jacques, Lizabeta, Accalon e Dulcinéa que Pietra deixará o castelo. Todos se espantam com a notícia. Dulcinéa vai conversar com Pietra. Pietra diz que vai voltar para o lugar que nunca deveria ter saído. Severo fala para Otoniel que ele será levado para uma acomodação melhor. Severo tira a máscara de Otoniel que o olha assustado. Selena caminha rapidamente pelo castelo e Fernão o acompanha. Ele diz para ele que se arriscou para descobrir quem era o prisioneiro da máscara de ferro e em troca quer saber para onde a Ordem levava as mulheres. Laurinda que estava afastada vê os dois. Dulcinéa ajuda Pietra a arrumar as coisas. Pietra diz que vai voltar para a casa que sempre viveu com sua mãe. Dulcinéa e Elia se oferecem a acompanha-la. Lizabeta pede desculpas por tê-la prendido. Pietra agradece o carinho de Dulcinéa, Elia e Lizabeta. Quando Pietra entra na carruagem escoltada por Tácitus, Daros e Gregor, Selena aparece de repente. Selena diz que esperava há muito tempo por este encontro de rainhas. Pietra fica assustada.

CAPÍTULO 102: QUARTA-FEIRA: 13/12/2017
Pietra está assustada diante de Selena mas diz que está numa comitiva escoltada por cavaleiros. Sem reconhecer Selena, Daros pede que se afaste. Ao vê-la, ele diz que não deveria ter se distanciado do castelo. Muitos súditos se reúnem ao redor do castelo Belaventura para tentar solucionar seus problemas. Enrico diz que vai tentar ajudar quem quer que seja. Severo pede para Fernão alcançar a comitiva comandada por Selena, resgatar o prisioneiro da máscara de ferro e leva-lo ao seu esconderijo, ao invés do esconderijo que pertence à Ordem. Marion conversa com Polentina e diz que precisa arrumar um jeito de desmascarar Selena.

CAPÍTULO 103: QUINTA-FEIRA: 14/12/2017
Enrico encara Pietra, com flores na mão, na expectativa. Pietra encara Enrico e lhe dá um beijo. Fernão, sentado à mesa, ainda encara Selena e ela diz que ele está perdendo tempo em buscar por uma mulher que nunca voltou para ele. Selena revela a Fernão que Inês morreu, mas o filho que esperava está vivo e vive na vila dos plebeus. Fernão fica perturbado. Merlino recebe a visita de Balin na masmorra. Merlino diz que ele não pode parar de tomar a poção, senão os delírios vão acabar e ainda revela que a cura de Pietra pode significar sua morte. Selena encontra Marion no castelo de Valedo e pergunta o que ela está fazendo lá. Selena irritada, está diante de Severo e os dois discutem diante de Leocádia, que só observa. Leocádia diz a Severo que se ele trouxer Selena para o castelo terá problemas em dobro. Enrico e Pietra se abraçam e conversam. Enrico diz que o povo não precisa de um líder como Severo. Enrico diz à Pietra que vai esperar por ela o tempo que for preciso e a beija. Marion está dormindo e acorda ao ouvir a porta rangendo ao abrir. Marion espreguiça e vira, deparando-se com Selena que a ameaça com uma adaga.

CAPÍTULO 104: SEXTA-FEIRA: 15/12/2017
Selena ameaça Marion e pede que se afaste do castelo ou irá se arrepender. Marion diz que lá é sua casa e que volta quando quiser. Marion tira a adaga da mão de Selena e a encosta em seu próprio rosto. Brione está prepcupada diante de Laurinda que diz ter ouvido que dariam início às perseguições e que logo o castelo estará cheio de pessoas desesperadas. Na taverna Falstaff mal-humorado, quando Fernão chega rapidamente e o pega pela roupa e o derruba. Fernão o obriga a dizer os nomes de quem entregou Inês para a Ordem. Na Vila, Morgana é levada por dois soldados e ao ver Enrico cai de joelhos e pede que não a deixem levar. Morgana revela a Enrico que estão envenenando Pietra. Carmona continua discutindo com Pietra e pede que ela volte ao castelo. Pietra começa a ter a vista curva e disfarça e procura se recompor e pede que Carmona vá embora. Marion arrasta Selena pelos cabelos e a joga no chão. Fernão visita a masmorra e avista Morgana que o encara. Morgana diz a Fernão que uma bela e doce menina não merece ter um pai como ele. Enrico está agitado diante de Accalon, Jacques e Mistral. Ele se levanta do trono e diz que vão organizar as expedições o mais rápido possível. Pietra passeia pelo campo e olha para o lago e, de repente, percebe um ponto brilhante dentro da água, um pouco mais distante. Pietra avista uma espada brilhante, erguida pela mão de alguém. Pietra continua caminhando em direção à mão que segura a espada.

É proibida a reprodução do conteúdo do site Noticiasdetv.com, sob pena de ação judicial por crime de violação de direito autoral, previsto na legislação internacional.