Agnaldo é preso após perseguição cinematográfica na novela “Pega Pega”

João Baldasserini (Foto: Divulgação)

Nos próximos capítulos da novela “Pega Pega” (de Cláudia Souto), Antônia (Vanessa Giácomo), Domênico (Marcos Veras), Expedito (Fábio Felipe), Nina (Ana Isabela Godinho) e Siqueira (Marcelo Escorel) descobrem que os depoimentos de Agnaldo (João Baldasserini) e Wanderley (Bernardo Marinho) apresentam contradições sobre o álibi do ex-namorado de Sandra (Nanda Costa).

O problema é que a desconfiança fica arquivada a partir do momento em que Siqueira afasta Domênico da função de investigador da sua equipe de polícia, por causa do seu triângulo amoroso com Antônia e Júlio (Thiago Martins). O profissional então é contratado por Eric (Mateus Solano) como detetive particular. 

Domênico começa a seguir Agnaldo, que substitui Malagueta (Marcelo Serrado) como concierge do Carioca Palace Hotel. “Não é paranoia. Os caras estavam me vigiando. Dentro do hotel estava discreto, não era o tempo todo, mas era só eu botar o pé na rua um deles vinha atrás de mim”, reclama.

Depois disso, Malagueta usa um nome falso para alugar um carro e implora para Agnaldo fugir do país o mais rápido possível, antes que Eric e Domênico cheguem até Antônia, Expedito, Nina e Siqueira na delegacia. Enquanto isso, Wanderley, pressionado, confessa para Domênico sobre a mentira para proteger seu irmão.

Com a confissão de Wanderley protocolada, Domênico aciona Antônia, Expedito, Nina e Siqueira, mesmo afastado do seu cargo de investigador na polícia. Os cinco descobrem a passagem de Agnaldo por um posto de gasolina e, liderados por Antônia, fazem uma perseguição cinematográfica para alcançar o ex-namorado de Sandra na estrada.

Ao telefone, Malagueta orienta Agnaldo a interromper seu sonho de ser milionário: “se livra dos dólares”. Assistido por Eric do alto de um helicóptero, Agnaldo atira o dinheiro na rua, fazendo a alegria da população brasileira. Os policiais alcançam Agnaldo após Eric pousar seu helicóptero na frente do carro alugado.