Ricardo Vianna e Guilherme Prates serão anarquistas na novela “Tempo de Amar”

Ricardo Vianna (Foto: Divulgação)

Ricardo Vianna e Guilherme Prates vão interpretar uma dupla de italianos anarquistas na próxima novela das 18h da Rede Globo, “Tempo de Amar”, que estreia dia 26 de setembro. Seus personagens, Tomaso e Giuseppe, se mudam para o Rio de Janeiro para trabalhar em uma confeitaria, mas acabam se envolvendo com militância política.

Tomaso e Giuseppe viajam no mesmo navio que Felícia (Amanda de Godoi), Helena (Jessika Alves), Maria Vitória (Vitória Strada) e Natália (Giulia Gayoso), estabelecendo, desta forma, um grupo de amizade que perdura vários meses, até o término do traslado. O problema é que as garotas acham que ganharam bolsas de estudo, quando, na verdade, estão sendo traficadas por Madame Lucerne (Regina Duarte), juntamente com sua única filha, Gilberte (Maria Eduarda de Carvalho), para o mundo da prostituição de luxo.

Escrita por Alcides Nogueira e Bia Corrêa do Lago, com a colaboração de Bíbi Da Pieve e Tarcísio Lara Puiati, a partir do argumento de Rubem Fonseca, a novela “Tempo de Amar” conta com a direção de Adriano Melo, Bruno Martins, Felipe Louzada, Jayme Monjardim, João Boltshauser e Marcelo Travesso.

O elenco completo da novela “Tempo de Amar” é formado pelos atores Amanda de Godoi, Ana Carbatti, Andreia Horta, Bárbara França, Bete Mendes, Bruno Cabrerizo, Bruno Ferrari, Cássio Gabus Mendes, Deborah Evelyn, Eli Ferreira, Erik Marmo, Françoise Forton, Giselle Prattes, Giulia Gayoso, Guilherme Leicam, Guilherme Prates, Henri Castelli, Jackson Antunes, Jandira Martini, Jayme Matarazzo, Jessika Alves, Joelson Medeiros, Jorge de Sá, José Augusto Branco, Juan Alba, Karine Teles, Letícia Sabatella, Lívian Aragão, Lucy Alves, Maicon Rodrigues, Malu Valle, Marcello Melo Jr, Maria Eduarda de Carvalho, Marisa Orth, Mayana Moura, Nelson Freitas, Nívea Maria, Odilon Wagner, Olívia Araújo, Olívia Torres, Regina Duarte, Ricardo Vianna, Sabrina Petraglia, Tony Ramos, Vitória Strada, Walkiria Ribeiro, Werner Schunemann, Yasmin Gomlevsky e Zé Victor Castiel.