close

Resumo Semanal: Novela “Escrava Mãe”: 05/12/2016 a 09/12/2016

escrava-mae

Capítulo 134: Segunda-Feira: 05/12/2016

Almeida encara Juliana e se aproxima da carroça onde ela está com Tito Pardo. Leôncio com ele e Mina mais afastada. Juliana sai da carroça e se volta para o menino. Juliana abre os braços para Leôncio, mas o menino sai correndo para o mato de novo. Juliana já corre atrás de Leôncio e se afasta, sob o olhar frio de Almeida. Kamau e Sapião ainda se olham, espantados. Teresa e Beatrice estranham e perguntam se os dois já se conheciam. Sapião fica sem palavras e Kamau procura esconder a emoção e diz que é novo por ali. Nestor e Irani continuam confusos diante de Guilherme que orienta que eles sejam renomados na vila, pois pagam impostos mais que os outros por causa do armazém. Quintiliano encara Filipa. Tomás e Violeta observam. Filipa surpreende Quintiliano com um abraço. Átila e Miguel caminham juntos, mas Átila sempre olha para trás, nervoso. Miguel assegura a Átila que comprou a liberdade dele e que ninguém mais vai persegui-lo. Átila diz a Miguel que sofreu muito no cativeiro e que não conseguiu achar sua filha. Maria Isabel tem uma mantinha nas mãos. Ela fala alto, querendo ser ouvida. Dorinha observa, escondida, por entre as árvores. Maria Isabel percebe sua presença, mas finge que não a viu. Leôncio surge correndo e assusta Maria Isabel que o repreende. Maria Isabel se interrompe, pasma, ao ver Juliana surgir, correndo atrás de Leôncio. Almeida está diante de Kamau, Teresa e Beatrice e pede para voltar uma outra hora para conhecer Leôncio. Kamau anda pela rua e encontra Sapião. Os dois se abraçam, emocionados. Sapião revela a Kamau que fez o que ele ordenou anos atrás, para salvar a menina e cuidar dela a vida inteira. Kamau diz a Sapião que ele já está um homem. Miguel é cercado por homens com facões e foices e Átila pede que o deixem em paz. O líder encara Miguel por um tempo, mas o deixa partir. Quando Miguel e Átila vão passando cautelosamente, um dos homens segura Átila que reage bruscamente e uma luta começa entre eles. Juliana abraça Tia Joaquina, ambas muito emocionadas. Sapião vem de fora e vê Juliana, ele se emociona e perde as palavras e sorri para Juliana. Os dois se abraçam, felizes. Almeida está em seu gabinete e estranha Maria Isabel de pé diante dele. Maria Isabel pede que Almeida trate a volta de Juliana ao engenho com rigor e que a coloque no lugar dela, para que evitem os erros do passado. Almeida concorda com Maria Isabel e diz que Juliana será tratada como uma escrava qualquer. Quintiliano conversa com Filipa e mesmo contrariada, aceita as condições do pai  em arrumar um pretendente. Dr. Pacheco e Guilherme conversam e Dr. Pacheco acha uma loucura que Nestor mesmo sendo um bom sujeito, esteja apto a um cargo na câmara. Kamau volta para o solar e Esméria pergunta por Catarina. Kamau pergunta por Juliana e Esméria diz que ela foi tratada como sinhá. Juliana agradece Beatrice por tudo que ela fez para ajudá-la. Teresa está nervosa diante de Almeida e diz que Juliana continuará sendo sua mucama e Almeida diz para Juliana ficar no engenho, que mantenha distância da casa-grande. Maria Isabel entra no quarto com Juliana, que parece tensa. Maria Isabel pede desculpas a Juliana. Juliana também pede desculpas para Maria Isabel. Maria Isabel abre o armário, e pega um pequeno punhal. Juliana fica tensa. Maria Isabel mostra os calendários ali marcados e diz que Miguel voltará arrependido e correrá para seus braços, e quando isso acontecer, terão uma segunda chance. Juliana fica surpresa diante da expressão firme de Maria Isabel com o punhal na mão.

Capítulo 135: Terça-Feira: 06/12/2016

Juliana está em choque diante de Maria Isabel, que ainda a encara, doentia, com um punhal na mão. Maria Isabel desliza o punhal na parede com o calendário de todos os dias que anotou a espera de Miguel. Ela diz à Juliana que o que sente por Miguel não é apenas amor e sim sentimento de posse. Almeida dá ordem a Osório para capturar o Cavaleiro da Mancha. Teresa diz à Beatrice que Almeida quer proibir Juliana de ajudar a criar Leôncio. Juliana diz à Tia Joaquina que Maria Isabel continua a odiando e esperando por Miguel. Miguel volta de uma trilha e diz a Átila que negociou com uns mercadores que estão a caminho do Brasil e que irão conseguir voltar ao Brasil. Átila abraça Miguel, feliz. Filipa come bolo enquanto conversa com Bá Teixeira e diz que acredita que Átila voltará. Esméria está diante de Kamau e pergunta a ele se Juliana é sua filha. Kamau revela que sim e segura as mãos de Esméria e pede que não revele a ninguém. Esméria promete ajudar Kamau a encontrar Juliana na condição dele ajudar a libertar Catarina. Juliana encontra Catarina e as duas se abraçam. Catarina diz à Juliana que está preocupada com Esméria em seu desespero de livrá-la. Juliana promete conversar com Esméria e acalmá-la. Osório chega e diz que assim como Catarina, Juliana também irá trabalhar, as duas se despendem. Juliana vai para a moenda. Quintiliano está irritado diante de Guilherme que argumenta que colocar o verdureiro Nestor na Câmara não é a solução. Guilherme assegura que outros setores da sociedade terão alguma representatividade pela primeira vez. Rosalinda não quer conversar com Loreto, pois sabe que ele vai mais uma vez se desvencilhar em não querer assumi-la. Loreto diz que não vai desistir de Rosalinda e a segura bem próximo de si. Rosalinda pede a Loreto um filho e ele teme que ela não aguente a gravidez. Rosalinda diz a Loreto que assume os riscos. Teresa está sentada com um livro no colo. Leôncio ao seu lado, disperso. Almeida um pouco mais afastado, lendo algo. Leôncio pede a Almeida que deixe Juliana o levar para a floresta. Osório vai até o solar e diz a Esméria que quer falar com Viriato.  Esméria diz que ele não está e que já deu todas as explicações para o coronel. Um lote de escravos é levado pela mata para uma fazenda da região. De repente eles param de frente com o Cavaleiro da Mancha. Uma luta se inicia e o Cavaleiro da Mancha luta com o homem que conduz os escravos. Rapidamente o Cavaleiro se livra dos golpes de facão e pega a chave e abre os cadeados, para surpresa dos escravos. Alguns instantes e Loreto aponta uma arma para a cabeça do Cavaleiro da Mancha. Em um descuido, o Cavaleiro da Mancha consegue fugir e começa uma perseguição. Loreto dispara a arma, mas não acerta o Cavaleiro. Juliana procura seu baú com as cartas de Miguel e Maria Isabel aparece com as cartas na mão. Juliana fica atônita diante de Maria Isabel que a encara ofendida. Maria Isabel diz à Juliana que sua ilusão é um castigo, e que apenas está tentando lhe poupar do pior. Juliana desafia Maria Isabel e diz que ela pode fazer o que quiser com ela que mesmo assim não mandará em seu coração e que ela não vai desistir de Miguel.

Capítulo 136: Quarta-Feira: 07/12/2016

Maria Isabel está pasma diante de Juliana, ela desdenha e pega uma das cartas de Miguel e lê em voz alta. Maria Isabel silencia por alguns instantes, até que volta a encarar Juliana. Na mata, Loreto persegue o Cavaleiro da Mancha até que o captura. Loreto tenta tirar a máscara do Cavaleiro, que se desvencilha rapidamente e foge. Tia Joaquina chega e vê Juliana impedindo Maria Isabel de levar as cartas. Maria Isabel acusa Juliana de manter contato com Miguel. Juliana pede que Maria Isabel devolva as cartas. Juliana enfrenta Maria Isabel e Tia Joaquina a repreende dizendo que Juliana não deve responder nem provocar Maria Isabel. Juliana diz que não vai mais baixar a cabeça e tampouco abrir mão do amor de Miguel. Beatrice está dormindo, com a janela aberta. Alguns instantes e Tito Pardo entra. Ele admira Beatrice, cuidadoso. Tito Pardo fecha a janela e cobre Beatrice, olhando-a com carinho. Na perseguição pela mata, Loreto cai em uma armadilha e fica pendurado de cabeça para baixo. O Capitão do Mato chega e se surpreende ao ver Loreto ali. Ele diz a Loreto que Almeida o pagou para caçar o Cavaleiro da Mancha e tinha colocado uma armadilha. Loreto diz para tirá-lo dali imediatamente. Juliana está se arrumando para ir para a lida no canavial e Tia Joaquina aparece com umas roupas limpas e novas e diz para ela se trocar. Tia Joaquina explica à Juliana que Almeida deu ordem para ela cuidar de Leôncio, e por isso deve se arrumar melhor, porque ela irá voltar à casa-grande. Juliana assente e pega as roupas. A vila está sendo enfeitada para a festividade. Bandeirinhas, panos coloridos e arranjos de flores nas janelas, algumas escravas já vendem limões, doces e enfeites. Em assembleia na Câmara, Almeida tenta impedir que a festa aconteça causando euforia entre Dr. Pacheco, Quintiliano e Loreto. Zé Leão entrega uma nova fragrância à Urraca que fica descontrolada com o cheiro. Ela briga com Zé Leão e joga um pote com um líquido colorido no rosto de Zé Leão, que fica embasbacado. Rosalinda está surpresa diante de Dália que diz que não haverá folia, que a festa foi proibida pelo comendador Almeida. No canavial, Tito Pardo surpreende Catarina jogando veneno na plantação. Juliana se apresenta à Teresa para ensinar Leôncio e volta para buscar alguns livros que trouxe durante a viagem. Kamau prepara o material para a primeira aula de música de Leôncio. Teresa está ao lado. Leôncio não se interessa pela aula e quer ir para a mata. Kamau convence Leôncio e ele se interessa pela flauta de Kamau. Maria Isabel aparece e elogia a música e diz que a casa precisava de um bom som. Teresa e Beatrice se surpreendem ao notar que Maria Isabel está bonita, bem vestida, com roupas coloridas. Leôncio aponta para ela e ri. Tito Pardo diz a Catarina que o que ela fez é errado e Catarina explica que foi o único jeito para conseguir sua liberdade, pois contaminando a plantação, o comendador precisaria de dinheiro para recuperar a tragédia e a venderia para Esméria. Filipa está animada diante de Guilherme e o elogia pelo trabalho que está fazendo com ela. Juliana está saindo, quando Tito Pardo surge correndo com Catarina nos braços e diz que ela desmaiou no canavial. Juliana entra na sala correndo e avisa que Catarina está desmaiada. Kamau se oferece para ajudar e corre para a casa de Tia Joaquina. Juliana vai atrás. Kamau passa álcool para Catarina cheirar e ela vai retomando a consciência. Juliana se apresenta a Kamau que fica surpreso. Catarina aos poucos recobra a consciência e desperta ainda zonza. Kamau volta para continuar a aula de Leôncio e Juliana questiona Kamau por ter falado o nome de sua mãe enquanto recuperava Catarina. Kamau diz que deve ser um engano e Juliana interrompe e pede pra Kamau dizer quem realmente ele é.

Capítulo 137: Quinta-feira: 08/12/2016

Juliana encara Kamau e diz que aguarda uma resposta. Kamau diz que conheceu Luena, a mãe de Juliana, e que a amou muito. Kamau diz que procurou por Juliana por muitos anos. Ele diz que sabe que não é seu pai por causa da cor, mas que sempre a amou quando estava na barriga da mãe. Eles se abraçam. Sapião vê a cena e se emociona. Almeida diz para Leôncio que não terá mais festividade. Tia Joaquina tenta acalmar Catarina. Kamau diz para Juliana e Sapião que os dias de escravidão deles estão acabando. Neste momento Osório aparece. Esméria tenta avisar Kamau que estão atrás dele. Osório pergunta o que está acontecendo e Juliana diz que Tito Pardo foi até lá para pedir ajuda com Catarina que desmaiou no canavial. Osório diz que precisa de um herói para acompanhá-lo até o gabinete. Violeta diz para Tomás pensar no assunto de adotar uma criança. Logo em seguida ela avista Dorinha perto de uma árvore comendo uma fruta. Violeta se aproxima da menina que, muito fraca, fecha seus olhos. Violeta grita por Tomás. Almeida, Loreto e Osório pressionam Kamau a dizer onde ele estava na noite anterior. Ele diz que estava no Mirante das Lágrimas. Almeida diz para Kamau que esta desconfiança foi necessária para encontrarem o Cavaleiro da Mancha. Kamau diz que fica mais tranquilo por não ser nada pessoal. Almeida pede que Osório continue no encalço de Kamau. Kamau encontra com Sapião e pede para avisar Juliana que vai voltar. Violeta leva Dorinha para dentro da fazenda e lhe dá comida com a ajuda de Bá Teixeira, Tomás, Filipa e Genésio. Dorinha diz que não tem pais e Violeta olha para Tomás. Violeta diz que poderiam adotá-la, mas Tomás fica confuso. Nestor, Charles e Guilherme discordam da atitude de Almeida em cancelar a festividade. Almeida observa Juliana contando história para Leôncio. Leôncio dorme no colo de Juliana. Almeida faz um carinho no rosto de Juliana e diz que nesta noite ela será dele. Juliana se assusta. Nada acontece. Juliana conta para Tia Joaquina o que Almeida lhe falou. Catarina pede que Tito Pardo não a entregue. Tito Pardo diz que não teria coragem de fazer isto. Esméria pergunta para Kamau de Catarina. Ele diz que ela apenas se sentiu mal. Esméria pergunta se Kamau é o Cavaleiro da Mancha e ele se assusta. No dia seguinte, Loreto vê uma faixa pendurada escrito “Kurimbukisa” e se assusta. Juliana anda na mata e se encontra com Kamau. Tomás conversa com Charles e Nestor sobre Dorinha. Loreto mostra para Nestor um papel com a palavra que estava escrita na faixa e pergunta se alguém sabe o que significa. Quintiliano diz para Filipa se arrumar porque um pretendente virá lhe fazer uma visita. Dr. Pacheco diz para Almeida que a saúde de Catarina está bastante comprometida. Almeida diz que vai vendê-la antes que ela morra  em suas mãos. Dr. Pacheco sugere que negocie com Esméria, mas Almeida não aceita. Catarina conversa com Esméria e diz que está disposta a procurar o Cavaleiro da Mancha para sair de lá. Kamau diz para Juliana que tem um plano de fuga para ela, e que não vai permitir que volte a se relacionar com Miguel. Juliana fica chocada. Maria Isabel, que estava escondida atrás de uma árvore, observava a conversa entre Juliana e Kamau.

Capítulo 138: Sexta-Feira: 09/12/2016

Juliana está espantada diante de Kamau que pede que Juliana prometa nunca mais se envolver com Miguel. Kamau argumenta que o pai de Miguel trouxe ele e sua mãe da África e que ela não sabe de tudo. Juliana diz que Miguel não tem culpa e se afasta de Kamau, que fica atordoado. Esméria está eufórica com a notícia dada por Catarina sobre um plano de fuga. Juliana comenta com Tia Joaquina que Kamau não pode chegar de repente e ordenar que ela esqueça Miguel. Tia Joaquina orienta Juliana a confiar em Kamau. Maria Isabel conversa com Teresa e se interessa para que Kamau continue a ensinar Leôncio e tê-lo por perto. Teresa desconfia do interesse de Maria Isabel. Filipa conversa com Quintiliano e mostra alguns documentos. Quintiliano se aborrece com Filipa e diz que ela não pode chantageá-lo com um casamento arranjado por ele em troca de liberdade de escravos. Filipa diz que não queria aborrecê-lo, mas que era uma boa alternativa para acabar com o comércio de escravos. Quintiliano encerra o assunto e pede que ela se arrume para receber seu futuro marido. Dr. Pacheco visita Urraca para consultá-la e ela se insinua para ele e diz que não quer apenas seus receituários. Urraca se estica toda para ser beijada e derruba uma prataria. Dr. Pacheco tenta fugir, mas Urraca o cerca. Dr. Pacheco diz à Urraca que não pode correspondê-la pois já está comprometido com outra dama. Urraca se espanta. Loreto pede à Rosalinda que mantenha Viriato, (Kamau),  na jardineira a noite toda, pois Almeida está desconfiado que ele seja o Cavaleiro da Mancha e proibiu de ensinar o filho. Se durante a noite o Cavaleiro da Mancha voltar a aparecer ficará provado que Viriato não tem culpa de nada. Rosalinda compadece de Loreto. Guilherme parece inconformado diante de uma agitada Esméria que não quer apoiar a loucura de fugir com Catarina. Kamau caminha na Vila, em direção a pensão. Osório surge atrás dele. Osório quer saber quem colocou a placa na câmara com os dizeres africanos. Kamau diz que não sabe e que é homem livre. Rosalinda parece um pouco tensa diante da presença de Kamau na pensão. Rosalinda diz que pode contratá-lo, mas pergunta se ele já pode começar naquela noite. Filipa está surpresa diante de Quintiliano e Dr. Pacheco que é apresentado como futuro marido, todos um pouco constrangidos. Juliana carrega uma cesta, sendo puxada por Leôncio e Almeida vindo logo atrás. Leôncio diz que eles precisam ir e achar a menina. Juliana procura disfarçar a tensão e faz um carinho em Leôncio. Beatrice está bastante nervosa diante de Teresa e diz que Dr. Pacheco tentou envenená-la. Kamau próximo de Esméria, enxuga algumas lágrimas e diz que terá que desistir da fuga por causa do problema de saúde de Catarina. Quintiliano está sem graça diante de Dr. Pacheco e pede paciência com Filipa. Filipa revela a Violeta que vai ser difícil se livrar de Dr. Pacheco, sendo ele muito amigo de Quintiliano. A noite está animada na pensão da Jardineira. Rosalinda recebe todos os senhores e Kamau está ali arrumado, perto do palco. Almeida chega e surpreende Rosalinda que não o esperava. Quintiliano chega também e Rosalinda pede que todos se acomodem. Osório e o Capitão do Mato estão em um local afastado com alguns escravos antes de começar o leilão de escravos. Esméria está escondida e observa tudo. Kamau toca flauta, enquanto alguns senhores conversam. Eles trocam papéis, uns fazem negócios e apertam as mãos. Kamau tenta conter sua ira enquanto toca. Almeida, Quintiliano e os senhores riem e fazem brindes. Osório entra na Câmara com uma pessoa encapuzada, empurrando e enforcando com a corrente. Loreto reage, espantado. Osório diz que capturou o Cavaleiro da Mancha.

comentários

É proibida a reprodução integral ou parcial do conteúdo do site Noticiasdetv.com, sob pena de ação judicial por crime de violaçao de direito autoral, previsto na legislação internacional.
Tags : Escrava Mãe