Monica Iozzi e Dalton Vigh estão no filme “A Comédia Divina”

http://noticiasdetv.com/
http://noticiasdetv.com/

Monica Iozzi (a Celeste de “Vade Retro”) e Dalton Vigh (o Raposo de “Liberdade, Liberdade”) fazem parte do elenco do filme de longa-metragem “A Comédia Divina”, dirigido por Toni Venturi, que possui previsão de estreia para as próximas semanas no cinema nacional. Na história, a atriz interpreta uma repórter chamada Raquel, que vive um romance com Mateus, personagem do ator, que é apresentador do telejornal onde ela trabalha. O projeto em questão trata-se de uma adaptação dos autores-roteiristas Caroline Fioratti, José Roberto Torero, Marcos Aurelius Pimenta e Toni Venturi para o livro “A Igreja do Diabo” (de Machado de Assis). 

Com os atores Dalton Vigh, Débora Duboc, Juliana Alves, Monica Iozzi, Thiago Mendonça, Thogun Teixeira e Zezé Motta no elenco, o filme de longa-metragem “A Comédia Divina” começa quando o Deus (Zezé Motta) e o Diabo (Murilo Rosa) se reúnem para falar sobre questões existenciais dos seres humanos, como, por exemplo, os pecados capitais e a luta do bem contra o mal. O assunto em pauta é a baixa popularidade do Diabo, que planeja se apoderar de uma emissora de televisão para abrir uma igreja em seu lugar. A repórter Raquel é usada por ele através de um furo jornalístico.

A atriz Monica Iozzi vai voltar à televisão a partir do ano que vem. É que ela já está gravando a série “Vade Retro” (de Fernanda Young e Alexandre Machado), na qual interpreta Celeste, uma advogada inexperiente que é seduzida por um picareta chamado Abel (Tony Ramos) com a ajuda de Lilith (Maria Casadevall). O ator Dalton Vigh, por sua vez, está de férias do veículo desde o término da novela “Liberdade, Liberdade” (de Mário Teixeira), na qual interpretou Raposo, pai de Joaquina (Mel Maia/Andreia Horta), André (Caio Blat) e Bertoleza (Sheron Menezzes), que foi assassinado por Rubião (Mateus Solano).