Caetano O’Maihlan está no elenco do filme “3000 Dias no Bunker”

No ar como Setur na novela bíblica “A Terra Prometida” (de Renato Modesto), que fica em exibição na Rede Record até fevereiro do ano que vem, o ator Caetano O’Maihlan está no elenco do filme de longa-metragem “3000 Dias No Bunker”, que se trata de uma releitura cinematográfica do livro “3000 Dias No Bunker – Um Plano Na Cabeça e Um País Na Mão”, desenvolvido pelo escritor Guilherme Fiuza. Com orçamento estimado em de cerca de dez milhões de reais, o filme de longa-metragem é dirigido por Rodrigo Bittencourt. Também estão na equipe Marco Antônio Audrá, Fábio Burtin, Chico Andrade e Ivan Teixeira.

O elenco completo do filme de longa-metragem “3000 Dias No Bunker” conta com os atores Adriane Amaral, Arthur Kohl, Bemvindo Sequeira, Bia Arantes, Blota Filho, Bruna Brignol, Caetano O’Maihlan, Carlos Meceni, Cássia Kis, Eduardo Gurman, Emílio Orciollo Netto, Fernando Eiras, Giulio Lopes, Guilherme Barros, Guilherme Magon, Guilherme Weber, Joca Andreazza, Juliano Cazarré, Klebber Toledo, Mariana Lima, Norival Rizzo, Paolla Oliveira, Ricardo Gonzaga, Ricardo Kosovski, Tato Gabus Mendes, Thiago Justini, Wagner Molina, Wladimir Candini e Zé Carlos Machado. Escrito pelo autor-roteirista Mikael Albuquerque, o projeto em questão trata-se de um coprodução entre a Globo Filmes, a Light House e a Nation Filmes. 

A história gira em torno do processo de criação do plano real, que ocorre dentro de um bunker de neutralidade política, no ano de 1993. Fernando Henrique Cardoso (Norival Rizzo), Gustavo Franco (Emílio Orciollo Netto) e Itamar Franco (Bemvindo Sequeira) são os protagonistas responsáveis pela criação desse plano real. Tudo começa quando o presidente Itamar Franco escolhe o ministro da fazenda Fernando Henrique Cardoso para solucionar um impasse na economia brasileira. Ele se isola em um bunker, blindado de todos os tipos de pressões políticas que poderiam afetar o seu trabalho, para instituir uma nova moeda econômica, juntando-se com Gustavo Franco.

É proibido copiar, reproduzir e reescrever, integralmente ou parcialmente, o conteúdo do site Notícias de TV, sob pena de ação judicial pelo crime de violação de direito autoral, previsto no código penal brasileiro e na legislação internacional. Os direitos referentes ao conteúdo publicado são integralmente reservados ao site em questão.

É proibida a reprodução do conteúdo do site Noticiasdetv.com, sob pena de ação judicial por crime de violação de direito autoral, previsto na legislação internacional.