Anthony Kiedis diz que sente falta de John Frusciante

http://noticiasdetv.com/
http://noticiasdetv.com/

O vocalista da banda Red Hot Chili Peppers, Anthony Kiedis, que está trabalhando a todo vapor no lançamento do disco The Getaway junto com o guitarrista Josh Klinghoffer, além dos demais integrantes, revelou em entrevista recente que sente falta do antigo guitarrista do grupo, John Frusciante, apesar de se dar bem com o músico que o substituiu. Confira um trecho da transcrição feita pelo site Notícias de TV:

John é uma pessoa muito especial pra mim e uma pessoa querida por muita gente. Ele faz parte de uma das melhores experiências da minha vida: é a pessoa mais maravilhosa e tranquila de se fazer música que eu já conheci. A gente costumava sentar no chão, John e eu, e aí eu pegava um pedaço de papel e dizia: então, eu escrevi essas letras de música. Ele pedia pra ver, lia e dizia que estava bom. Ele começava a tocar alguma coisa, eu começava a cantar e devolvia: você consegue tocar algo parecido com isso? Ele respondia: peraí, deixa eu tentar. Logo, a gente tinha uma música. Eu nunca conheci alguém que possui tanta facilidade em compor uma música coletivamente. E músicas realmente boas. Se eu ligasse pra ele e ele dissesse: estou muito mal hoje, ele me pediria para ir ao seu encontro imediatamente, sabendo que disso sairia uma música nova. Então, eu levaria toda a minha tristeza para John: senta aí, pega esse notebook e começa a escrever tudo o que você sente. Disso, sairia uma música nova. Eu sinto falta dele, mas eu também estou ciente que as nossas vidas acabaram rumando para direções opostas. Mas, eu sinto falta dele.

Vale lembrar que o guitarrista John Frusciante saiu da banda Red Hot Chili Peppers, pela segunda vez, alegando que desejava seguir uma carreira solo com a música eletrônica.

É proibido copiar, reproduzir e reescrever, integralmente ou parcialmente, o conteúdo do site Notícias de TV, sob pena de ação judicial pelo crime de violação de direito autoral, previsto no código penal brasileiro e na legislação internacional. Os direitos referentes ao conteúdo publicado são integralmente reservados ao site em questão.