Resumo Diário: Novela “A Mentira”: 13/04/2016

Capítulo 013, quarta-feira, 13/04/2016

No dia seguinte João se sente muito mal pelo escândalo que provocou durante a festa de noivado da prima e garante à sua mãe que vai se desculpar com Demétrio. Virgínia joga mais lodo sobre a reputação de Verônica dizendo ao tio que ela passou a noite fora de casa. Teodoro se espanta e ela, maquiavélica, diz que Verônica costumava fazer isso com Ricardo Prata e que agora faz com Demétrio. Mas a mentira de Virgínia dura muito pouco pois nesse momento chega Letícia e diz que Verônica, depois de chorar muito, acabou dormindo no seu quarto. Demétrio procura Verônica, entrega novamente o anel de noivado e os dois se reconciliam. Santiago propõe a Virgínia que seja sua cúmplice no roubo de um carro. Ela entra no jogo do amante, conta para a tia que seu carro via ficar uns dias na oficina e Sara acaba alugando um carro para a sobrinha. Teodoro não consegue acreditar nas histórias que Virgínia conta sobre a prima e, ao analisar melhor os fatos, começa a perceber que algumas peças não se encaixam nesse quebra-cabeça. Ele pede ao detetive que volte a vasculhar os arquivos do Dr. Gilberto, pois na data que consta no prontuário em que Verônica, supostamente, teria praticado o aborto, ela e ele estavam viajando juntos. Verônica começa os preparativos para o casamento. Virgínia sai com o carro alugado e enquanto ela toma um chá com as amigas. Santiago rouba o veículo. Demétrio insiste que Verônica conte a quem ela amou antes de conhecê-lo. Ela insiste que nunca amou ninguém tão intensamente e ele a lembra que ao se casar com ele não terá o luxo a que está acostumada. Verônica diz que não se importa com nada disso e que nunca sairá do seu lado. 

É proibido copiar, reproduzir e reescrever, integralmente ou parcialmente, o conteúdo do site Notícias de TV, sob pena de ação judicial pelo crime de violação de direito autoral, previsto no código penal brasileiro e na legislação internacional. Os direitos são reservados.