Resumo Diário: Minissérie “José do Egito”: 02/03/2016

Capitulo 036, quarta-feira, 02 de março de 2016

Sati se irrita quando Potifar lhe traz um novo sacerdote e acaba esquecendo sua falsa doença. Ela explode e o comandante estranha a súbita melhora. Depois de dizer que Pentephres não pisará mais em sua casa, Potifar se mostra irredutível. Ainda na prisão, Simeon pega o antigo colar de José e se lembra do passado. O vizir aparece no local, de surpresa, e conversa com o hebreu. Quando interrogado, Simeon se emociona ao falar de José, sem saber que é ele mesmo quem está em sua frente. José também se emociona, mas se controla. Simeon afirma que está praticamente conformado, afinal, tem certeza de que seu pai não o trocaria por Benjamin. Durante um reunião da família, Bila tem um acesso de tosse. O tempo passa e o alimento falta novamente. A tosse de Bila se torna mais severa. A situação no acampamento começa a se tornar crítica. Maldosa, Zilpa se aproxima de Bila, afirma que sua doença pode ser contagiosa e a expulsa do acampamento. Ruben, Judá e Levi tentam convencer Jacó de que precisam retornar ao Egito, acompanhados de Benjamin, para trazerem mais mantimentos. Zilpa diz a Naamá que expulsou Bila. A esposa de Ruben se irrita e convence Zilpa a acompanha-la para trazer Bila de volta. Com nove meses de gestação, a bolsa de Diná se rompe. Mara sai em busca de ajuda e adentra a tenda dos homens. Como as outras mulheres não estão no acampamento, Benjamin pede que Mara faça o parto. Naamá e Zilpa encontram Bila, que ainda tosse muito. O lenço que ela leva a boca está sujo de sangue. Zilpa se compadece e, acompanhada de Naamá, consegue levar Bila se volta. Mara e Tamar fazem o parto de Diná. O nascimento do bebê mexe com a filha de Naamá de forma inesperada. Como muito tempo já se passou, José diz a Azenate que deve cumprir sua palavra. Ele afirma que matará Simeon. 

É proibido reproduzir, reescrever ou copiar, integralmente ou parcialmente, o conteúdo do site Notícias de TV, sob pena de ação judicial pelo crime de violação de direito autoral, previsto no código penal brasileiro. Todos os direitos são reservados.