Resumo Diário: Novela “Chamas da Vida”: 23/02/2016

Capitulo 083, terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

Vilma interroga Carolina porque está a bisbilhotar as suas coisas. Carolina diz-lhe que está a procurar as placas da fénix. Vilma assusta-se mas disfarça. Carolina desafia Vilma. António pede desculpa a Guga. Beatriz pede aAntônio para os levar a passear no carro de “tunning” Vilma nega-se a abrir o cofre. Vilma manda Carolina embora. Guilherme diz a Cazé que não tem coragem de fazer outro exame e nem de contar a verdade a Michele. Marreta desafia António para uma corrida. Guga vai com Antònio no carro. Carolina diz a Tomas que foi procurar provas contra Vilma. Walter não entende. Arlete diz que a idéia foi dela. Guga diz que António está rápido demais. António diz que não vai perder com Marreta. Ele trava e o carro de Antonio derrapa. Vilma diz a Dionísio que Carolina a acusou de ter deitado fogo à fabrica e assassinado Adeílson. Dionísio fica chocado. Vilma faz-se de injustiçada. Walter diz a Carolina e a Arlete que elas planearam agir contra Vilma e Tomás. Tomás vai –se embora. Walter diz a Carolina e a Arlete que é ridículo acusar Vilma. Carolina diz que Eurico também desconfia de Vilma. Walter diz que Pedro está influenciar Carolina. Pedro pergunta que comprimido Ivonete lhe deu. Ela diz que é um comprimido para ressaca. Pedro e Ivonete vão-se embora embora da casa de Brito. Vivi vai com eles. Marreta e Antônio aceleram os carros um na direção do outro. Marreta desvia e o carro capota. Marreta e Manu ficam presos nas ferragens. Guga vê que a gasolina está a sair.. António tira Manu do carro. Walter diz a Tuquinha que Eurico está a influenciar Arlete com suspeitas contra Vilma. Walter diz que Eurico está a aproveitar-se da situação para seduzir Arlete.Tuquinha expulsa Walter. Antônio corta o cinto de segurança de Marreta e Beatriz ajuda-o.O carro explode. 

É proibido reproduzir, reescrever ou copiar, integralmente ou parcialmente, o conteúdo do site Notícias de TV, sob pena de ação judicial pelo crime de violação de direito autoral, previsto no código penal brasileiro. Todos os direitos são reservados.