Júlia Lemmertz e Adriana Lima são escaladas para a novela “Sol Nascente”

Destaque como Dorotéia em Além do Tempo, a atriz Júlia Lemmertz não vai ficar afastada da televisão por muito tempo, seguindo os mesmos passos de Alinne Moraes, Ana Beatriz Nogueira, Cadu Libonati, Mel Maia, Paolla Oliveira, Rafael Cardoso, Rômulo Estrela e Wagner Santisteban. Ela está reservada para o elenco da próxima novela das seis da Rede Globo, Sol Nascente, que vai entrar no ar em setembro, sucedendo Êta Mundo Bom (de Walcyr Carrasco e Maria Elisa Berredo) e antecedendo Anos Perdidos (de Cláudia Lage). Na sequência, também virá Amor e Morte (de Rubem Fonseca e Bia Corrêa do Lago). Quem também está no time é a modelo Adriana Lima, que, após participações especiais em séries estrangeiras, vai fazer a sua estreia como atriz de novela.

Escrita por Walther Negrão, Júlio Fischer e Suzana Pires, a novela Sol Nascente, que será ambientada em Angra dos Reis, no interior do Rio de Janeiro, terá direção geral de Marcelo Travesso e direção artística de Leonardo Nogueira. Já estão reservados para o elenco atores como Adriana Lima, Aracy Balabanian, Bruno Gagliasso, Cláudio Mendes, Dani Suzuki, Déborah Secco, Francisco Cuoco, Geovanna Tominaga, Giovanna Antonelli, Henri Castelli, Jean Pierre Noher, Jesuíta Barbosa, João Cortês, Júlia Lemmertz, Ken Kaneko, Laryssa Dias, Letícia Spiller, Marcello Melo Jr, Marcello Novaes, Miwa Yanagizawa e Vanessa Gerbelli.

A história gira em torno das diferenças culturais entre duas famílias estrangeiras, uma italiana e outra japonesa, que imigram para o Brasil com o intuito de terem uma vida melhor. Os filhos dos chefes destas duas famílias acabam se apaixonando, unindo-as, mesmo com as suas peculiaridades e com as crenças distintas.

É proibida a reprodução e a modificação, integral ou parcial, do conteúdo do site Notícias de TV, sob pena de ação judicial pelo crime de violação de direito autoral, previsto no código penal brasileiro.

É proibida a reprodução do conteúdo do site Noticiasdetv.com, sob pena de ação judicial por crime de violação de direito autoral, previsto na legislação internacional.