“Pega Ladrão”, “Fora de Órbita” e “Barba Azul” são as próximas novelas das 7

A faixa das sete da noite na programação da Rede Globo atualmente está sendo ocupada pela novela Totalmente Demais, escrita por Rosane Svartman e Paulo Halm com direção artística de Luiz Henrique Rios, que aborda o universo da moda, mas a sua substituta, a novela Haja Coração, escrita por Daniel Ortiz com direção artística de Frederico Mayrink, que é uma releitura de Sassaricando, já está sendo preparada para entrar no ar no dia 16 de maio. Na sequência, virá a novela Sonha Comigo, escrita por Maria Helena Nascimento com supervisão de Ricardo Linhares e direção artística de Dennis Carvalho, que vai abordar o universo do rock e vai entrar no ar no dia 31 de outubro.

A emissora carioca já definiu ainda outros três trabalhos que virão depois disso. Em abril de 2017, será a vez da novela Pega Ladrão, escrita pela estreante Cláudia Souto com supervisão de Walcyr Carrasco e direção artística de Jorge Fernando. Ela foi colaboradora de Gabriela, Sete Pecados, Caras & Bocas e Morde & Assopra. Em outubro de 2017, será a vez da novela Fora de Órbita, escrita por Rui Vilhena. Conceituado em Portugal, ele fez Fina Estampa e Boogie Oogie no Brasil. Em abril de 2018, será a vez da novela Barba Azul, escrita por Antônio Calmon e Guilherme Vasconcelos. O primeiro ficou afastado da televisão após trabalhos como Três Irmãs, Começar de Novo, O Beijo do Vampiro, Um Anjo Caiu do Céu, Corpo Dourado, Cara & Coroa, Olho no Olho, Vamp e Top Model

A faixa das sete da noite na programação da Rede Globo ficou assim: Totalmente Demais (de Rosane Svartman e Paulo Halm), Haja Coração (de Daniel Ortiz), Sonha Comigo (de Maria Helena Nascimento com supervisão de Ricardo Linhares), Pega Ladrão (de Cláudia Souto com supervisão de Walcyr Carrasco), Fora de Órbita (de Rui Vilhena) e Barba Azul (de Antônio Calmon e Guilherme Vasconcelos). 

É proibida a reprodução e a modificação, integral ou parcial, do conteúdo do site Notícias de TV, sob pena de ação judicial pelo crime de violação de direito autoral, previsto no código penal brasileiro.