Morre o ator Antônio Pompêo, que atuou em “Rebelde”

É proibida a reprodução integral ou parcial do conteúdo deste site, sob pena de ação judicial pelo crime de violação de direito autoral, previsto no código penal brasileiro.

O ator Antônio Pompêo, cujos últimos trabalhos foram as novelas Balacobaco e Rebelde, ambas da Rede Record, nas quais interpretou, respectivamente, Álvaro e Alceu, foi encontrado morto na tarde desta terça-feira (5) no bairro de Guaratiba, situado na zona oeste do Rio de Janeiro. Ele, que tinha 62 anos, estava em casa no momento em que foi encontrado nestas circunstâncias e a polícia militar ainda está investigando as causas da sua morte. Além de ator, ele também exercia o ofício de artista plástico e era pesquisador da cultura afro-brasileira. 

No currículo do ator constam os seguintes trabalhos na televisão: Balacobaco, Rebelde, Força-Tarefa, Chamas da Vida, Prova de Amor, A Casa das Sete Mulheres, Pecado Capital, O Rei do Gado, Tocaia Grande, A Viagem, Fera Ferida, Mulheres de Areia, Pedra Sobre Pedra, A História de Ana Raio e Zé Trovão, Rosa dos Rumos, Escrava Anastácia, Kananga do Japão, O Outro, Sinhá Moça, Tenda dos Milagres, O Tempo e o Vento, Lampião e Maria Bonita, A Moreninha e A Máfia no BrasilNo cinema, por sua vez, ele fez Xica da Silva, O Cortiço, Se Segura Malandro, Parceiros da Aventura, Escalada da Violência, Quilombo, Nunca Fomos Tão Felizes, O Xangô de Baker Street, Condenado à Liberdade, Seja o Que Deus Quiser, Quase Dois Irmãos e O Homem Que Desafiou o Diabo.

Em Rebelde, o ator viveu Alceu, um alcoólatra que era dono de um restaurante. O problema de saúde do personagem, relacionado ao excessivo consumo de bebidas alcoólicas e agravado por um sonho frustrado de ser músico, afetou a família e o trabalho dele. Marido de Dadá (Zezé Motta), Alceu era pai de João (Michel Gomes).