Exclusivo: Após esticamento, atores que seriam dispensados retornam para a quarta fase da novela Os Dez Mandamentos

Com o anúncio de que a novela bíblica ‘Os Dez Mandamentos’ seria esticada em um mês, finalizando em novembro, e não mais em outubro, a autora Vívian de Oliveira, em conjunto com a sua equipe, está promovendo alguns ajustes na história. Ao invés de esticar a terceira fase, atualmente em exibição, será a quarta fase da trama que será espichada. Essa última fase, que duraria poucos capítulos, iria contar apenas com o núcleo dos hebreus em sua caminhada de 40 anos pelo deserto rumo à terra prometida por Deus. Só que agora se fará necessário integrar os demais personagens à história da quarta fase.

Os atores do núcleo midianita, que haviam sido dispensados, foram convocados para gravar novas cenas para a reta final da história, embora sejam flashbacks. O núcleo sequer voltaria para a terceira fase, o que inclui a protagonista, Zípora (Giselle Itié). Com as mudanças, ela reaparecerá em cena ao lado da família, formada por Jetro (Paulo Figueiredo), Damarina (Talita Younan), Jaque (Fran Maya), Ada (Camila Santanioni), Jerusa (Thais Muller), Adira (Rayana Carvalho), Menahem (Jorge Pontual), Anibal (Thierry Figueira), Baruk (Bemvindo Sequeira), Haya (Nicole Orsini), Gerson (Luiz Eduardo Oliveira), Eliezer (Gustavo Henzel) e Abner (Arthur Moraes).

Mas, a produção não contará em sua quarta fase com os personagens dos atores do núcleo egípcio que morrem afogados após o fechamento do Mar Vermelho. Além disso, ainda na terceira fase da história, outros personagens se despedirão, durante as pragas do Egito, como é o caso de Nefertari (Camila Rodrigues) e Amenhotep (José Victor Pires). Eles pagarão com a própria vida por Ramsés (Sérgio Marone) ter contrariado Deus e não ter deixado os hebreus partirem junto com Moisés (Guilherme Winter). O faraó também se despedirá da história antes mesmo da caminhada pelo deserto começar, mas as circunstâncias ainda não foram reveladas pela produção.

É proibida a reprodução do conteúdo do site Noticiasdetv.com, sob pena de ação judicial por crime de violação de direito autoral, previsto na legislação internacional.