Exclusivo: A casa cai e Yunet pagará por seus crimes em “Os Dez Mandamentos”

http://noticiasdetv.com/
http://noticiasdetv.com/

Na reta final da segunda fase da novela bíblica Os Dez Mandamentos, exibida pela Rede Record, Yunet (Adriana Garambone) terá todas as suas armações descobertas e pagará por seus crimes. Ela será flagrada pelo marido, Paser (Giuseppe Oristânio), com Bakenmut (Kiko Pissolato), mas se ele nada faz, alguém que vê a cena não deixará barato e se vingará da megera. Trata-se de Nayla (Maria Ceiça).

Nayla, a viúva esposa secundária do falecido Seti I (Zé Carlos Machado), se revoltará com o discurso de Yunet durante o casamento de Nefertari (Camila Rodrigues) e Ramsés (Sérgio Marone), revelando para todo mundo quem é, na verdade, a dama de companhia. Além de ter visto o flagrante de traição, Nayla também escutará a megera dizendo que Nefertari é filha de Disebek (Eduardo Lago). Indignado, Ramsés expulsará Nayla do seu casamento.

Mas, se sentindo livre, Paser confirmará as acusações na frente de todo mundo e ainda revelará que Yunet assassinou Maya (Bárbara França) e o próprio rei. Imediatamente, Ramsés condenará Disebek ao exílio perpétuo e mandará prender Yunet. A vilã suplicará aos pés de Henutmire (Vera Zimmerman) para se livrar da condenação à morte, mas a princesa, irredutível, sentirá nojo ao saber que ela é uma ex-prostituta da Casa de Senet que era amante do seu marido. 

Apesar da punição de Ramsés, Nefertari suplica para que a mãe não seja morta. Só que, mesmo assim, Yunet será agredida por um comboio de mulheres: Nayla, Henutmire e Tuya (Angelina Muniz), que a expulsarão do palácio. Leila (Juliana Didone) assistirá o retorno dela à vila dos hebreus de camarote.